Mobilizações Articulares

mobilizacoes_articularesSão técnicas passivas de baixa velocidade usadas para tratar disfunções articulares como a rigidez, a hipomobilidade e dor.

São vantagens  deste tratamento são: possibilidade de dosar a força, ser aplicada próximo à articulação, a direção da mobilização acompanha a mecânica articular.
Isto  gerará os seguintes efeitos:

- Nutrição da cartilagem

- Manutenção da extensibilidade nos tecidos articulares

- Analgesia e diminuição do espasmo muscular.

- Estímulo proprioceptivo.

- Aumento ou manutenção da ADM

- Aumento da velocidade de execução do movimento

- Recuperação ou melhora da função estabilizadora. 

 

Indicações:
- Para estimular a atividade biológica, movimentando o líquido sinovial que traz nutrientes para a cartilagem avascular das superfícies articulares e fibrocartilagens intra-articulares dos meniscos. A atrofia da cartilagem articular começa cedo quando as articulações são imobilizadas.
- Para manter a extensibilidade e força de tensão nos tecidos articulares e periarticulares. Com a imobilização ocorre proliferação fibroadiposa, que provoca adesões intra-articulares, assim como alterações bioquímicas em tendões, ligamentos e tecido articulares levando contraturas articulares e enfraquecimento ligamentar.
- Impulsos nervosos aferentes de receptores articulares transmitem informação para o SNC e assim proveem percepções de posição e movimento. Com a lesão ou degeneração da cápsula, ocorre diminuição do potencial em uma fonte importante de retorno proprioceptivo que pode afetar a resposta de equilíbrio do indivíduo.
.
Contra-indicações:
-Hipermobilidade: Pacientes com perigo de necrose dos ligamentos ou cápsula não devem fazer alongamento; só é benéfico técnica de mobilização intra-articular leve dentro dos limites de mobilidade.
-Efusão Articular: Pode haver edema articular (efusão) devido a trauma ou doença. O derrame articular rápido geralmente indica sangramento dentro da articulação e pode ocorrer com trauma ou em doenças tais como hemofilia. O derrame articular lento geralmente indica efusão séria de líquido sinovial em excesso ou edema dentro da articulação devido a trauma leve, irritação ou uma doença tal como artrite.
-Inflamação: Sempre que houver inflamação, o alongamento irá aumentar a dor e defesa muscular resultando em maior dano aos tecidos. Movimentos delicados de oscilação ou separação podem inibir temporariamente a resposta dolorosa.

  

Atendimentos especiais para você:

 
 

 Agende hoje sua consulta!